Quando o dinheiro é o limite #1: 100€

Quando o dinheiro é o limite #1: 100€

Esta é uma das temáticas que mais gosto tenho em fazer, pois quem me conhece sabe que em grande parte do meu tempo livre é passado a ver promoções, escolher rotas e ver qual a melhor forma de fazer uma viajem o mais barata possível. Trago-vos a primeira viagem – não realizada – que planeei, tendo por base o orçamento de 100€ por pessoa, com voos e alojamento. Para o dinheiro restante sugiro duas opções, ou usado nos transportes ou para uma refeição em restaurante e um museu pago. A primeira cidade escolhida é Lille, em França.

Travel is the only thing you buy that makes you richer

Começando pelos voos, e considerando que efetuei todas as pesquisas entre os dias 1 e 2 de agosto apresento um preço de 44.64€ na rota Lisboa – Lille. As datas escolhidas foram por altura do feriado de 1 de dezembro, por isso a partida ficaria dia 1 de dezembro de manhã, e chegada no dia 3 de dezembro à noite, como podem ver na imagem abaixo.

lisboa-lille

Em termos de alojamento assumi que vão duas pessoas, mas que de futuro posso simular para outro tipo de viajantes, sozinhos, com a família toda, com animais… Escolhi um hotel de um grupo que gosto bastante, Accor. Por várias vezes fiquei em hóteis do grupo, desde os mais recentes e modernos, até aos mais baratos. Dou-vos como exemplo o IBIS BUDGET LILLE VILLENEUVE D’ASCQ de duas estrelas e que fica a cerca de 5 km de Lille. O quarto aloja até 3 pessoas e dispõe de casa de banho privada e internet gratuita. Sendo a viagem de 1 a 3 de Dezembro, são duas noites de estadia e o preço final por pessoa fica em 37.68€ (75.36€ quarto para 2 pessoas).

hotel_lille

Assim, até ao momento já estamos com 82.32€ gastos, estando a sobrar 17.68€. A primeira opção que vos dou para gastar este dinheiro sobrante é nos transportes, que em muitos casos é onde se gasta mais dinheiro. A viagem entre o aeroporto e o centro da cidade é feita através de autocarro, onde uma viagem simples tem o custo de 8€ e de ida e volta de 10€. Se comprarmos a ida e volta fica a sobrar 7,68€. Sugiro que usem este valor para, por exemplo, comprarem um bilhete de 1 dia (4,80€) e um bilhete simples (1,60€). Claro que vos apresento isto consoante o orçamento que defini, pois convém sempre fazerem uma estimativa de quantas vezes vão usar os transportes (+ informações: https://montranspole.transpole.fr/fr/32-les-titres-occasionnels). Com o 1,28€ sobrante podem comprar um recuerdo ou um café. 🙂

A segunda opção que vos dou para os tais 17,68€ é que visitem a exposição permanente do Palais Beaux Arts Lille, considerado por muito um dos museus mais bonitos da região, não só pelas suas exposições, mas pelo edifício em si. O preço é de 7€, mas se por exemplo optarem por ir no primeiro domingo de cada mês a entrada é gratuita. Com o dinheiro restante, pouco mais de 10€, podem usar num restaurante mais acessível na cidade. Após algumas pesquisas, eis alguns que cumprem os requisitos: Pancook, Seasons Café ou o L’impertinente, este para um lanche, sendo conhecido pelas suas tartes apetitosas.

Claro que isto são apenas algumas sugestões, mas é uma forma de vos ir mostrando opções económicas para viajar. O melhor de tudo, é que a altura para a qual foi planeada a viagem, já estão a acontecer os mercados de Natal, o que para muita gente é algo irresistível. Fico à espera das vossas sugestões e comentários. 🙂



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *